quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Peito - O canivete suiço do corpo feminino

Não é segredo pra ninguém que eu adoro um par de peitos. Em um país, onde a bunda é a preferência nacional, não tenho vergonha nenhuma em afirmar que sou um fã dos melões. E ainda me arrisco a dizer que não existe nenhuma parte do corpo que se compare ao peito feminino.

Não importa o tamanho, formato, se é natural ou de silicone, o peito está muito a frente das outras partes do corpo (literalmente). Quem inventou o peito (Deus, Alá ou seja lá quem foi) fez bem feito. Pois além de enfeitar o colo da mulherada, as tetas são como um canivete natural. Servem para mil e uma utilidades. Por isso vou enumerar algumas, para que você que não é fã dos peitos, pelo menos comece a enxergá-los com outros (e bons) olhos.



Clique pra ver sem estrelinhas e muito maior! A foto, não os peitos.

Nº 01 Alimento
As tetas são o primeiro contato com alimento que temos. Médicos não se cansam de falar o quanto importante é cair de boca quando bebê nas mamas de sua mãe. Então, bebês façam uso da tetália.

Nº 02 Enfeite
O que seria do carnaval sem os peitinhos de fora? A bunda rebola, mas é o peito que enfeita. O peito tá lá pra ser decotado, valorizado e quase mostrado para delírio da moçada.

Nº 03 Carteira
Eu tinha uma tia, que Deus a tenha, que sempre guardava o seu cigarro e alguns trocados no seu sutiã. Quem vai meter as mãos nas tetas de uma senhora de idade para roubar uns trocados? Ninguém, pode roubar a bolsinha da velha, mas as tetas vão guardar chaves, cigarro e uns trocados pra voltar de busão pra casa. Teta é segurança em um mundo de crimes.

Nº 04 Termômetro
Caiu uns graus na temperatura ambiente e PIM! Como aquele indicador de que o peru está pronto para a ceia de Natal, os biquinhos do peito ficam duros como pedra indicando que o inverno chegou e que é hora moçoila de abrigar, para não pegar um resfriado.

Nº 05 Travesseiro
Já encostou a cabeça em um peitinho? Não a melhor travesseiro que um seio. Nem os travesseiros da NASA ou o Contour Pillow.

Nº 06 Esperança
Você está com aquela gatinha e ela nunca libera uma brecha pra você avançar o sinal. Até que um dia sua mão chega aos peitos dela e ela, como um milagre, deixa você ficar por ali. Ainda há esperanças, meu velho. As chances de você passar o frango aumentaram. Não desista.

Nº 07 Armas de Protesto
Veja qualquer foto de protestos das garotas do Femen. Elas se explicam por si só. Um grupo de mulheres nunca apareceu tanto nos sites de notícia quanto estas ucranianas. E nem importa sobre o que elas estão protestando. Elas já tem o meu apoio.

Nº 08 Disseminação da Cultura
Afinal de contas, se não houvessem os peitos você nunca teria ouvido falar de New Orleans e nem do Mardi Gras. Quantas estátuas gregas clássicas ou quadros da Renascença não existiriam se não houvesse o peito? É amigo, teta é cultura.

Nº 09 Ritual de Passagem
Uma garota tem três fases para ter a certeza absoluta de que agora sim ela é uma mulher. Menstruar e perder o cabaço são duas delas. A outra é ganhar peitinhos (o que pode gerar algum constrangimento no começo, mas faz parte, pois criança é tudo idiota) e comprar o seu primeiro sutiã. Seu Washington Olivetto ganhou muito dinheiro nessa levada.

Nº 10 Prazer
Prazer de quem chupa. E prazer de quem tem eles chupados. Pois os peitinhos são uma zona erógena e devem ser tratados com atenção e carinho, pois apesar de estar longe zona do agrião, quando você liga "aqui encima", muitas vezes liga "lá embaixo" também. E aí, amigo, é festa.

Viu, como o peito pode ser muito mais que apenas uma coisa pra você botar a mão? Da próxima vez que você olhar um peito, pare e pense em tudo o que ele representa e talvez você veja a responsabilidade que carrega uma mulher. Em dose dupla.

Um comentário:

Anônimo disse...

otarios