terça-feira, 22 de março de 2011

O que acontece com Charlie Sheen?

Muitas pessoas o odeiam, o chamam de mal exemplo, de maluco, até machista. Outros o adoram, chamam de ídolo, de corajoso. Mas de fato, o que está acontecendo com Charlie Sheen?


Vamos analisar o começo da carreira do ator. Charlie Sheen sempre foi um ator mediano. Fazia uma comédia ou outro, aqui e ali. Quase sempre filmes sem muito sucesso. Os únicos grandes filmes que ele fez foi aclamado Platoon e o engraçadíssimo Top Gang (sátira do blockbuster Top Gun). De resto foi só fiasco.

Além disso sua vida sempre foi muito tumultuada. Em 2005, separou-se da deliciosa Denise Richards, que o acusou de violento e viciado em pornografia.


Mas aí ele já estava fazendo a série Two and A Half Men, desde 2000. E a série, que é um sucesso, é quase uma biografia dele. Um beberrão inveterado, que gosta de apostar e não vive sem uma mulher do lado dele (ou encima ou embaixo). Inclusive, o nome do seu personagem é o seu próprio nome.

Fora o lance do divórcio, até que ele vinha calmo. VINHA...

De uns tempos pra cá, Charlie Sheen só fez merda. Por exemplo, em 2009, foi preso pois sua atual mulher chamou a polícia falando que ele estava manguaçado e um tanto quanto violento. Passou o dia preso e teve de pagar US$ 8,5 mil pra ficar livre. E mais recentemente, foi internado em outubro do ano passado, por uso abusivo de drogas. Quase morreu.

A Warner não aguentou mais tanta bagunça. E isso levou à sua demissão. Justo.

Mas vamos pensar. O cara pode não ser um santo, mas ele foi sempre assim. Nunca foi genial e a Warner pagava a ele o maior salário da televisão mundial para ele interpretar ele mesmo. O que um sujeito que tem problemas com bebidas, drogas e sexo faz com muito dinheiro? Bebe, se droga e transa...e muuuuuuuito. Tanto que o cara fechou um avião chamou sua mulher e mais duas doidas (sua "babá" e uma atriz pornô) e foi pra uma ilha no Caribe.


Ele está errado? Não sei. Mas ele está fazendo o que todo homem já quis fazer um dia. Tacar o foda-se, beber até o fígado falir e comer o maior número de mulheres que seu pinto aguentar. Todo mundo fala que se ganhasse na Mega Sena faria coisas do gênero. Alguns dizem a célebre frase "não vai ter puta triste hoje nessa cidade!". O Charlie Sheen leva essa frase ao pé da letra.

Lógico que não é a vida que eu quero pros meus filhos. Nem pra mim hoje em dia, sou um cara compromissado. Mas também não podemos tacar pedras no sujeito. O problema é que não devemos vangloriar tão atitudes. E a culpa disso é da mídia, que adora um escândalo. E Sheen é uma máquina de escândalos. E o povo adora. Tanto que o cara é o recordista de seguidores em menos tempo no Twitter, Tá até no Guiness Book.

Mas uma única coisa é certa. No meio de um mundo repleto de bandas emos, onde o rok'n roll morreu, Justin Bieber e tudo mais, o cara é a pessoa mais hard rock viva na terra e talvez um dos maiores machos pra carilha que pisou nesse planeta.

4 comentários:

Senador disse...

esse negócio de que ele faz o que todos gostariam de fazer caso ganhassem na mega sena me lembra de um diálogo no filme "Como Enlouquecer Seu Chefe", qdo um pergunta ao outro: "o que você faria se ganhasse 1 milhão de dólares?" e o outro fala "Nada, não faria nada, nunca mais!" ae o outro retruca: "você não precisa de 1 milhão de dólares para não fazer nada..." ehehehe.

Senador disse...

Ah sim... e um cara que deixa a Denise Richards só pode estar louco da cabeça!

becokaronte disse...

pra ser sincero eu ate q qria ter uma vida dessas (pelo menos uns dias).e a serie é foda

becokaronte disse...

Todo macho um dia já quis ou vai querer ligar o foda-se