terça-feira, 23 de março de 2010

Não tem ombro e nem cérebro!

O Sr. Senador, sábio e sensato como é, comentou no post anterior que o pinto não tem ombros. E não tem mesmo. Passa pela porta de entrada e só vai parar lá no quintal pra bater uma bola (ou duas).

Disso todo macho pra carilha que se preze sabe desde que a primeira ver que o peru ficou duro. Mas tem uma coisa que a gente vira e mexe esquece. A gente sempre esquece que nossa caceta, apesar de muito versátil, não possui um cérebro. E por mais que um amigo meu diga que uma vez estava (muito) bêbado e foi no banheiro, olhou pro próprio pinto e disse "- Você tá comendo mulher gata pra caralho!" e o pinto, pra surpresa geral, respondeu "- Tamo junto!", a fala não é sinal que o pinto tenha um cérebro. E é aí que a gente toma na arruela.

Pois não são poucas as vezes que nós, homens machos pra carilha, "pensamos" com ele, o nosso fiel escudeiro. E nunca dá certo. É só você lembrar, seu tonto, da vez na escola que você estava lá todo inteligente fazendo a prova e passou a cola para aquela gostosa que sentava do seu lado. Seu sonho depravado era pegar a danada e passar-lhe o frango. E no alto da sua bondade e benevolência, foi pego passando cola e tomou no cú. O professor pegou sua prova e você tomou zero. Um zero do tamanho do rabo daquela danada que nem sequer te pagou uma laranjada. E tirou 10 a filha da puta.

E isso vai se repetindo durante a sua vida toda. Pois a lição aprendida com a cabeça do pau, não é absorvida pelo cérebro de cima. A sua amiga gatinha, que você gosta demais, quer te dar loucamente. Combina com você de ir no bar, já com aquele pensamento focado em tirar a calcinha. E leva umas amigas, só pra falar que levou. O que seu pinto faz você fazer? Faz você pegar a amiga da sua amiga, que, apesar de gostosa, é crente e só vai dar pra você depois de casar. E a sua amiga que queria dar pra você? Essa nunca, mas NUNCA MAIS, vai querer te dar.

E é assim que pensando com o pinto a gente vai se fudendo. Dando lugar na fila do quilo, abrindo a porta do elevador, dando carona, vendo filme romântico, sendo "educado"...

Creio eu que é até castigo divino ou coisa assim. Pois Ele sabe que a gente não tá sendo educado. Ele sabe que a gente quer é passar o frango e dormir tranquilo. Aí Ele olha pra baixo e pensa "- Vou acabar com a farra desse filho da puta!" e aí a merda tá feita.

E a mulherada sabe disso. Ô se sabe. Por isso que o Rogério Skylab, músico e maluco nas horas vagas, tem razão ao "cantar essa música" (é música?!?).



Ele sabe das coisas...

2 comentários:

Sujeito Macho disse...

É como meu pai me disse esses dias... não tem sangue suficiente pra "alimentar" 2 cabeças, quando a de baixo fica dura a de cima não funciona direito.

Mas fazer o que né?

Sr. Senador disse...

o problema é que a cabeça de baixo GRITA! E a de cima só fala... ae cobre o que a de cima pensa... enfim, já me vi em 99% dos causos que tu citou, Soutodoloko... e são reais, infelizmente. Pinto filho da puta sem ombro e sem cérebro! Definitivamente é a Sandy! Só falta cantar mal!